ALGARAVÁRIA
Home|Algarapostal|Cronópios|Orkut

domingo, abril 09, 2006
esvaziando gavetas, domingo.

RIGIDEZ
Uma hora.
Outra vez
madrugada anunciando.
Insônia.
*
DEMÊNCIA
O quarto vazio relendo palavras
[ soltas, esquecidas, atropeladas]
Palavras-carne destrinchadas desse corpo magro e não tão branco assim.
*
PANÓPTICO-VÉRTEBRA
Manter os olhos fixos no monitor.
Manter os olhos fixos no monitor.
Qualquer movimento deve ser relatado.
Qualquer movimento deve ser deletado.
Control alt o quê?
*
ABSOLVIÇÃO
No banheiro
a torneira mal fechada
gota após gota
competindo com o tique-taque
do relógio da cozinha
[tenho o pressentimento de que há um ritmo único
a cadenciar meus pensamentos, lentidão]
*
DESESPERO, NU
Amparo a infância que agora chega às minhas retinas
[manter os olhos fixos no monitor por vezes fabrica memórias que a chuva não tocou]
*
O PESO DAS MÃOS SANGRA A PRIMAVERA
Aos treze ou doze anos estava sentado numa cadeira de balanço
vendo minha mãe morrer a morte arrastada que teimou em possuí-la
durante trinta e seis longos meses.
[creio que o menino em mim é imune à morte, sonho]
*
SOBRE DEUS, UM ACENO
Outra hora.
Vez por outra
é preciso silenciar o peito.
Poesia.

douglas D.
(5) no algaravial

 

 

Arquivos
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006

 

 

Powered by Blogger

Template by Ernesto Diniz



 

eXTReMe Tracker