ALGARAVÁRIA
Home|Algarapostal|Cronópios|Orkut

domingo, maio 21, 2006
Bernardo Soares - I

Talvez o meu destino seja eternamente ser guarda-livros, e a poesia ou a literatura uma borboleta que, pousando-me na cabeça, me torne tanto mais ridículo quanto maior for a sua própria beleza.



[trecho do 18º fragmento do Livro do Desassossego]

Thiago Ponce de Moraes
(0) no algaravial

 

 

Arquivos
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006

 

 

Powered by Blogger

Template by Ernesto Diniz



 

eXTReMe Tracker